O que escrever no convite de casamento? (parte I)

O que escrever no convite de casamento? (parte I)



Além de ser a primeira e (uma das) mais lindas peças do casamento, o convite é o primeiro contato que os convidados terão com o dia de vocês. É por meio dele que eles vão saber o mood e as principais informações do casamento.


Acredito que a primeira coisa a pensar é em como vocês querem falar com os seus convidados. Minha dica é imaginar como vocês os convidariam se estivessem fazendo isso pessoalmente. Seria uma conversa formal, informal, emocionante, alegre ou amorosa? 


Como vocês os convidariam se estivessem fazendo isso pessoalmente?


Depois, vale relembrar o que geralmente é escrito nos convites. Como tudo no casamento, eu acredito que os noivos não precisam seguir regras, mas saber como as coisas costumam ser feitas ajuda a ter um Norte. Então eu montei uma lista do que, na minha opinião, é necessário, adicional e tradicional. Vocês podem usá-las como bem entenderem. 



O que é necessário?

Nome dos noivos, introdução, data e hora, local e endereço. O básico mesmo.


1. Nome dos noivos

Indispensável, não é mesmo? Mas vale pensar em como os nomes de vocês estarão escritos. Apelido? Primeiro nome? Nome completo?


2. Introdução 

É muito comum ler alguma frase como “é com muito amor que nós te convidamos para o nosso casamento” no início de um convite. Isso é o que eu chamo de introdução. Ela pode estar em primeira ou terceira pessoa e vir antes, depois ou entre o nome dos noivos, como, por exemplo:


“É com muito amor que nós te convidamos para o nosso casamento

Noiva & Noivo”


“Noiva & Noiva

Convidam, com muito amor, para o seu casamento”


“Com muito amor,

Noivo & Noivo

Convidam para o seu casamento”


3. Data e horário

Apenas da cerimônia, que começa primeiro. Entende-se que a recepção dos convidados acontece em seguida. Caso forem criar save the date, usem essa informação — junto com seus nomes. 


4. Local e endereço

Da cerimônia e da festa, caso aconteçam em locais diferentes. Nesse caso, é importante adicionar algum texto como “após a cerimônia, os convidados serão recepcionados no… (local), lembrando que esse texto também pode ser usado pra indicar aos convidados que eles serão recepcionados no mesmo local.



O que é adicional?

Fora essas quatro informações, existem mais algumas que eu classifico como extras, que, geralmente, são inseridas no site dos noivos, mas que, na falta de um, podem vir no rodapé do convite ou em um mini card.


1. RSVP

Abreviação da expressão francesa “Répondez S’il Vous Plaît”, que significa “Responda, por favor”, é usada para confirmar a presença dos convidados — até 20 dias antes do evento. Esse post do iCasei explica bastante sobre os tipos de RSVP, mas, independente disso, saibam que no convite vocês podem colocar das seguintes formas:


“Por favor, confirme a sua presença pelo (site, telefone ou e-mail)


“Por favor, confirme a sua presença até dia xx/xx pelo (site, telefone ou e-mail)


“RSVP até dia xx de (mês) pelo (site, telefone ou e-mail)


2. Traje sugerido

Esporte, esporte fino, social ou black tie. Pra quem quiser saber mais sobre cada tipo, eu recomendo muito esse post, mais uma vez, do iCasei, mas, seja qual for o traje, acho simpático indicá-lo como traje sugerido. Ou dress code (talvez por estar em inglês parece mais sutil).


3. Lista de presentes

É de praxe que os noivos tenham uma lista de presentes, seja ela de produtos, cotas para lua de mel, entre outros. As pessoas esperam isso, então não precisam se sentir indelicados ao informá-la. Caso vocês sintam necessidade, podem adicionar algum texto junto com o nome da loja ou a URL da lista como:


 “Caso queira nos presentear, nossa lista de presentes está na loja…”



O que é tradicional?

Versículos, nomes dos pais dos noivos e brasão (ou monograma) são algumas das informações tradicionais que ainda estão presentes em muitos convites. Nesse post da Papel & Estilo, tem uma explicação um pouco mais profunda sobre cada um deles, pra quem se interessar. Abaixo, eu apresento cada um brevemente:


1. Versículos ou citações

Convites mais tradicionais geralmente se iniciam com algum versículo ou citação mais clássica. Para os casais mais modernos, vale pensar em usar poemas ou trechos de música no lugar. Fica bem bonitinho e personalizado.


2. Nome dos pais dos noivos

Antigamente era comum que os pais dos noivos pagassem pelo casamento e, assim, eram eles que convidavam, então o nome deles era inserido antes do nome dos noivos. Hoje essa regra já não pesa tanto. Mesmo pagando pelo casamento completo, muitos casais ainda incluem o nome de seus pais, seja da forma tradicional ou adicionando um “juntamente com seus pais” na introdução do convite. Vai do que vocês sentirem.


3. Brasão ou monograma

Pra mim, esse elemento foi usado por tanto tempo que virou atemporal, principalmente porque você pode criar um brasão mais minimalista ou um monograma com uma tipografia moderna. Ou vocês podem substituí-los por um ícone ou uma ilustração que represente vocês. As possibilidades são infinitas.





Ufa. Nem parece que uma peça tão pequena envolve tantas questões, né? Então, caso tenha ficado alguma dúvida, você pode dar uma olhada nos textos dos convites que estão no meu portfólio ou pode me chamar — é só enviar um e-mail para [email protected], clicar aqui ou comentar aqui embaixo.


Que seu dia seja ensolarado.

gostou?